Gol à la Ronaldinho, quebra de jejum e as curiosidades da 3ª rodada do Brasileirão

Rodada deste final de semana foi repleta de emoções, feitos impactantes e curiosidades

Atlético-MG x Ceará - 3ª rodada - Série A 2020Atlético-MG x Ceará - 3ª rodada - Série A 2020
Créditos: Alessandra Torres/AGIF

Chegou ao fim neste domingo (16) mais uma rodada do Campeonato Brasileiro. Além dos tradicionais clássicos do futebol nacional, a 3ª rodada da competição teve gol de falta à la Ronaldinho Gaúcho, feito inédito para um jovem, quebra de jejum... Confira as curiosidades da rodada do Brasileirão e até mesmo entrega de taça. Confira abaixo as curiosidades que marcaram esta rodada do Brasileirão Assaí 2020.

Início Fulminante


Em um campeonato de pontos corridos, é fundamental somar o máximo de pontos no início da disputa para galgar grandes objetivos. Vasco e Bahia seguiram essa máxima à risca. O Gigante da Colina e o Esquadrão de Aço começaram com o pé direito e conquistaram duas vitórias em dois jogos. Vale ressaltar que o Cruzmaltino e o Tricolor não entraram em campo na primeira rodada - por conta das finais dos estaduais – e por isso possuem um jogo a menos que a maioria dos rivais.

Com o ótimo início, Vasco e Bahia quebraram jejuns amargos no Brasileirão. A vitória de 2x1 sobre o São Paulo, em São Januário, fez o clube carioca igualar uma marca positiva no torneio que não acontecia desde 2012, quando, na época, o ‘Trem Bala da Colina’ também embalou dois triunfos nas duas primeiras rodadas da competição.

A situação do Bahia é semelhante, só que o jejum perdurava por muito mais tempo. Desde 1986 o Tricolor não começava a Série A com duas vitórias. E após 34 anos, com o triunfo diante do Redbull Bragantino por 2x1, o clube finalmente pôs fim a essa incômoda escrita.

À la Ronaldinho


Nos últimos anos, Rafael Vaz se tornou um dos principais cobradores de falta do futebol brasileiro. Com chutes potentes de longa distância, o zagueiro costuma dar alegria aos torcedores do Goiás na bola parada. Mas nem sempre a força é a principal arma do jogador. E nesta rodada, Rafael provou isso. Com uma cobrança inteligente por baixo da barreira, que ficou mundialmente conhecida nos pés de Ronaldinho Gaúcho, o zagueiro artilheiro marcou mais um gol – que garantiu o empate do Esmeraldino diante do Palmeiras.

O curioso é que não foi a primeira vez que Vaz foi às redes dessa forma inusitada. Na primeira rodada do Brasileirão 2019, diante do Fluminense, o zagueiro usou do mesmo artifício e marcou o gol da vitória do Verdão. Desde que chegou ao Goiás, Rafael já soma quatro gols de cobranças de falta na Série A.

Experiência e eficiência


Em noite inspirada, Nenê marcou os dois gols da vitória do Fluminense sobre o Internacional no Maracanã. E a bela atuação não poderia vir em melhor hora, já que neste domingo o veterano completou uma marca importante junto ao Tricolor.

A partida contra o Colorado foi a de número 50 do experiente craque com as cores do clube das Laranjeiras. No auge de seus 39 anos, Nenê foi o principal responsável pela primeira vitória do Fluminense na competição.

Marrony ‘on fire’


Na manhã de domingo, Atlético-MG e Ceará mediram forças no Mineirão. Melhor para o Galo, que venceu por 2 a 0, manteve o 100% de aproveitamento e a liderança da tabela do Brasileirão. O grande destaque da partida ficou por conta do atacante Marrony, autor dos dois gols da equipe mineira.

A performance individual acima da média veio acompanhada de um feito inédito na carreira do jovem jogador. Foi a primeira vez que Marrony anotou dois tentos na Série A do Brasileirão. Em 2018, quando ainda atuava na categoria de base do Vasco, o jovem marcou dois gols no Campeonato Brasileiro Sub-20.

Entrega de taça


Nesse sábado, o Coritiba foi derrotado no Couto Pereira pelo Flamengo por 1x0. Mas apesar da derrota, Rhodolfo, zagueiro do Coxa, não pode dizer que saiu de mãos abanando. Isso porque, após o duelo, os dirigentes do Flamengo entregaram uma réplica da Taça Libertadores, feita pela CBF, ao ex-atleta do Rubro-Negro.

O duelo marcou o reencontro do zagueiro com a equipe carioca desde sua saída, no fim da última temporada. Integrante do elenco campeão da américa em 2019, Rhodolfo recebeu a honraria das mãos do presidente Rodolfo Landim e do vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz.


Fonte: cbf.com